terça-feira, 19 de março de 2013

Fotos Antigas


Uma parte importantíssima dos processos genealógicos e de história da família é a coleta, catalogação e preservação de fotos antigas. Essa postagem é a abertura de uma série de postagens sobre o tema que incluirá um tutorial de restauração de foto antiga para amadores.




O primeiro passo é "desenterrar" as fotografias de família, nos seus arquivos (vulgo bau, caixa de sapato, álbum...) e nos arquivos dos seus familiares.

Alguns conselhos óbvios e não tão óbvios assim:

- Pergunte a um parente mais velho se ele tem fotografias e se poderia emprestá-las para serem digitalizadas.
As pessoas mais idosas adoram mostrar "retratos" e falar sobre eles, mas em geral não gostam de emprestar as fotografias por medo de não as reaverem.

- Empreste uma ou duas fotografias.
Num primeiro momento pegue apenas uma ou duas fotografias emprestadas e as devolva rapidamente. Isso mostrará sua responsabilidade e dará a pessoa que emprestou a confiança de que ela pode lhe disponibilizar outras fotografias.

- Guarde as fotografias emprestadas numa pasta dentro de um envelope de plástico transparente.
Tome muito cuidado com fotografias antigas porque via de regra são as únicas cópias existentes.

- Anote informações sobre as fotografias.
Não dá para confiar na memória, por isso anote num post it e cole no verso da fotografia.
(Várias dessas fotos já tem anotações e informações relevantes no verso, por isso vale a pena digitalizar também o verso da fotografia).

- Pegue as fotografias em lotes.
Pegar grandes quantidades de fotografias faz o trabalho ficar desanimador e cansativo e aumenta o risco de extravio das fotografias. Devagar e sempre é um lema ótimo para a genealogia de modo geral.


...

Info: Ilustração fotográfica feita pela autora.





Um comentário:

  1. muito bom, gostei muito. gosto muito de fotografia.

    Odair Vaz

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...